Programação de Março na Casa do Cinema de Coimbra

Notícias

 

Em Março a Casa do Cinema de Coimbra propõe sessões de cinema com um novo horário: às 15:00, de quarta a sábado, com a reposição dos filmes mais vistos da semana. Desta forma, iniciamos março com a exibição dos filmes LICORICE PIZZA (2 Mar às 15:00) e BELFAST (3, 4, 5 e 9 Mar às 15:00).

O ciclo “Da Rússia com Amor” tem a sua última sessão no dia 3 Mar às 18:00 com a exibição do filme KITOBOY – O SALTO DO BALEEIRO, de Philipp Yuryev, a história de Lushka, um jovem pescador de baleias, que se apaixona, através da internet, por uma rapariga de Detroit.

Os dias de maior luz e calor sugerem ritmos quentes e latinos. Assim, a Nitrato Filmes apresenta-nos o ciclo “Brasil Musical” reunindo um conjunto de obras que homenageiam alguns dos músicos brasileiros mais marcantes. Integram neste ciclo vários filmes em estreia nacional, entre os quais:


● OS DOCES BÁRBAROS, de Jom Tob Azulay, um registo do festejo dos 10 anos de carreira dos cantores baianos Caetano Veloso, Gilberto Gil, Maria Bethânia e Gal Costa, que tem exibição marcada para o dia 10 Março às 18:00.
● Chico Buarque conta o seu percurso pessoal e artístico no filme de Miguel Faria Junior — CHICO – ARTISTA BRASILEIRO, que vai ser exibido no dia 17 Março às 18:00.
● A vida e obra de Elis Regina é contada no drama biográfico ELIS, de Hugo Prata, que pode ser visto no dia 24 Março às 18:00.
● A última exibição do ciclo — 31 Março às 18:00, MY NAME IS NOW, ELZA SOARES é um retrato da mítica cantora Elza Soares e do próprio país, feito ao longo de 10 anos por Elizabete Martins Campos.

Há espaço para mais ciclos dedicados aos “Mestres Japoneses Desconhecidos” e ao realizador sul-coreano Bong Joon-ho, ambos promovidos pelo Fila K e com exibições todas as quarta-feiras às 21:30. Entre 2 e 13 de Março será exibido o ciclo de filmes nipónicos:


● Na primeira sessão é exibido o filme de Tomu Uchida, CADA UM NA SUA COVA, em que Tamiko se defronta com a escolha entre dois pretendentes propostos pela sua mãe.
● Na semana seguinte — 9 Março às 21:30, em MULHERES DE GINZA, de Kōzaburō Yoshimura, entramos numa residência de gueixas onde as mulheres partilham entre si os dissabores da sua profissão.
● A última sessão do ciclo conta com o filme de Tomotaka Tasaka — O MENINO DA AMA, no qual Hatsu, uma jovem provinciana, se apercebe das diferenças entre a sua terra e a capital japonesa, quando se muda para Tóquio para se tornar a ama da família Kajiki.

Nas duas últimas semanas do mês será apresentado o ciclo dedicado a Bong Joon-ho, vencedor de 4 Óscares em 2020 com o filme “Parasitas”.


● No dia 23 Março às 21:30 vai ser exibida a primeira longa-metragem do realizador – CÃO QUE LADRA NÃO MORDE, no qual um professor universitário se cansa de ouvir ladrar o cão do vizinho e decide tomar medidas drásticas.


● E no dia 30 Março às 21:30 é exibido o seu segundo filme – o multipremiado thriller MEMÓRIAS DE UM ASSASSINO cujo enredo gira à volta das buscas de dois detetives pelos responsáveis da violação e homicídio de dez mulheres, numa pequena vila nos arredores de Seul, ao longo de seis anos e num raio de dois quilómetros.

Na exibição regular a Casa do Cinema de Coimbra apresenta em estreia nacional, o novo THE BATMAN, de Matt Reeves, que conta com Robert Pattinson no papel do super-herói e milionário Bruce Wayne. As exibições desta revisitação do vigilante de Gotham City estão marcadas para os dias 3 (21:30), 4 (18:00), 5 (21:30) e 9 Março (18:00). Numa perspectiva oposta, trazemos o premiado no Festival de Roterdão em 2012 — O SOM AO REDOR, de Kleber Mendonça Junior, que acompanha a vida numa rua de classe média na zona sul do Recife, após a contratação de uma milícia para a segurança privada. O drama vai ser exibido nos dias 4 (21:30) e 5 Mar (18:00).

Fazem parte da programação outros títulos recém-estreados, como NIGHTMARE ALLEY, do premiado realizador Guillermo del Toro, que junta Bradley Cooper, Cate Blanchett e Rooney Mara nesta segunda adaptação ao cinema do romance de William Lindsay Gresham, e que conta com 7 nomeações aos Óscares. O filme vai ser exibido nos dias 17 (21:30), 18 (18:00), 19 (21:30) e 23 Mar (18:00). Com um período de pré-produção superior a vinte anos, o tão falado O HOMEM QUE MATOU DOM QUIXOTE, de Terry Gilliam, que conta com Joana Ribeiro, Adam Driver e Jonathan Pryce no elenco e com o Convento de Cristo como plano de fundo, vai ser exibido nos dias 10 (21:30), 11 (18:00), 12 (21:30) e 16 Mar (18:00).

Ambicionando a pluralidade de perspetivas na nossa programação, trazemos três obras cuja história é protagonizada no feminino. Em exibição a 18 Mar às 21:30 e 19 Mar às 18:00A VIDA INVISÍVEL, de Karim Ainouz, conta a história de duas irmãs que saem de casa dos pais para fugirem a seu ambiente rígido e conservador, seguindo caminhos distintos, mas mantendo sempre a esperança de um dia se reencontrarem. Um filme premiado nos Festivais de Cannes – Prémio Un Certain Regard – e Munique – Prémio CineCoPro.

Acompanhando a celebração do feminino promovemos a exibição de dois filmes nomeados ao Oscar de Melhor Atriz:


● Olivia Colman no papel principal de “A FILHA PERDIDA”, de Maggie Gyllenhaal, indicado igualmente ao Óscar para Melhor Argumento Adaptado, – vai ser exibido nos dias 25 (21:30) e 26 Mar (18:00).
● Penélope Cruz, no papel de Janis Moreno, em “MADRES PARALELAS”, de Pedro Almodóvar, é exibido nos dias 24 (21:30), 25 (18:00), 26 (21:30) e 30 (18:00). Esta é a história de duas grávidas que se conhecem na maternidade e, partilhando aquele momento tão marcante e vivido de forma tão diferente por cada uma, criam uma forte ligação que irá alterar de forma decisiva as suas vidas.

Ainda nos dias 25 e 26 recebemos o festival BATOM – que reúne mulheres inspiradoras, de diferentes áreas, para pensar, partilhar, agitar, intervir e mudar o lugar da mulher na sociedade. Um festival sobre o universo feminino, de e com mulheres, destinado a todas as pessoas, com uma programação que inclui conversas, workshops, teatro, arte urbana e concertos. Acolhemos na nossa Casa este festival com duas sessões às 16h00 e curadoria do Women’s Film Festival “Olhares do Mediterrâneo”.


● Dia 25 Mar às 16h: Sessão de Curtas metragens: Cellfie (PT, 3’); Flor de Estufa (PT, 15’); Black Mamba (TU, 20’); Tuk Tuk (EG, 26’);
● Dia 26 às 16h: I Am The Revolution (IT, 74’).

Culminamos esta viagem cinematográfica satirizando a disputa pelo poder na União Soviética após A MORTE DE ESTALINE, uma comédia de Armando Iannucci. O filme é exibido nos dias 11 (21:30) e 12 Mar (18:00).
E como já é habitual, o terceiro sábado do mês reserva mais uma matiné infantil, para toda a família, com os FILMINHOS INFANTIS À SOLTA PELO PAÍS — 19 Março às 15:00.

Ao longo de cada semana iremos anunciar os filmes a exibir às 15h00 da semana seguinte.

Bilhetes Pontuais:
Normal — 5€
Reduzidos — 4€
Sócios da CCP/AACC em todas as sessões e Sócios Fila K e CEC nas respetivas sessões — 2€

Passes 10 Sessões: Normal — 30€ Reduzido — 25€

A Casa do Cinema de Coimbra abre a sua bilheteira 30 minutos antes de cada sessão e situa-se no piso 0 das Galerias Avenida na Av. Sá da Bandeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *